“Levanta teus olhos em direção ao Sol”

Sri Aurobindo e Mahatma Gandhi foram contemporâneos, mas nunca se encontraram. Uma pena; teriam muito a discordar, pacificamente – e até concordar. Ambos “lutaram” pela independência da Índia, com métodos diferentes. Os dois foram personagens importantes da história mundial: o “Sri” é uma forma respeitosa na linguagem coloquial ou um título de adoração para asContinuar lendo ““Levanta teus olhos em direção ao Sol””

Nossa existência é algo bem maior

Sri Aurobindo foi poeta, filósofo e nacionalista (pela independência da Índia). Seu pensamento yogi, após abandonar a política, influenciou a muitos. “Nossa vida visívele as ações desta vidanão são mais que umasérie de expressões significativas,mas aquilo que ela tenta expressarnão está na superfície;nossa existência é algo bem maiorque este ser frontalaparenteque nós mesmos supomos sereContinuar lendo “Nossa existência é algo bem maior”

“Quanto mais o universo parece compreensível, mais parece também sem sentido.” (Steven Weinberg)

“A humanidade ainda é embrionária”, dizia Teilhard de Chardin, mas está evoluindo, mesmo que certos eventos nos façam pensar ao contrário. “Muitos augúrios internos e externos (sublevações políticas e sociais, inquietações morais e religiosas) causaram-nos a impressão, mais ou menos confusa, de que algo tremendo está tendo lugar no mundo neste momento. Mas o queContinuar lendo ““Quanto mais o universo parece compreensível, mais parece também sem sentido.” (Steven Weinberg)”

Evolução

Abordei recentemente a visão de Evolução, conforme percebida por Teilhard de Chardin. Há muita similitude com a de Sri Aurobindo, embora os dois nunca tivessem se encontrado. “O emergir progressivo da consciência é a força motriz da existência do mundo terrestre. (…) parece não haver razão alguma para que a vida se elabore nos elementosContinuar lendo “Evolução”