Bagunça e fracasso

O dirigente máximo do movimento “nós contra eles” costuma usar a bandeira nacional como símbolo de suas causas. Coitado do Auguste Comte, que criou o positivismo tentando dar um sentido a esse mundo controverso e que entusiasmou os “fundadores” (militares, principalmente) de nossa república. Ora, Comte imaginava que os problemas sociais e políticos de entãoContinuar lendo “Bagunça e fracasso”

O egoísmo no centro do pensamento filosófico de Fernando Pessoa

A única realidade social é o indivíduo (Fernando Pessoa) 1. A única realidade social é o indivíduo, por isso mesmo que ele é a única realidade. O conceito de sociedade é um puro conceito; o de humanidade uma simples ideia. Só o indivíduo vive, só o indivíduo pensa e sente. Só por metáfora ou emContinuar lendo “O egoísmo no centro do pensamento filosófico de Fernando Pessoa”

“A verdadeira imagem do passado passa rapidamente” (Benjamin)

Walter Benjamin (1892-1940), como muitos à frente de seu tempo, só obteve fama após a morte. Um vida atormentada e sem reconhecimento, como Kafka. Só a posteridade os ergueria à fama. “Como tudo seria diferente se vencessem na vida aqueles que venceram na morte.” (Cícero) Para os que se antecipam, a “história se passa comoContinuar lendo ““A verdadeira imagem do passado passa rapidamente” (Benjamin)”

Progresso. Um evangelho?

O progresso tecnocientífico, norteado pela razão e experimentação, e pautado pelo valor da eficiência, provoca diversos efeitos ambivalentes na sociedade e na biosfera advindos da relação de efeito mútuo existente entre as criações humanas – dentre elas a técnica – e a vida social e o meio ambiente. Como fazer o ‘progresso’ incluir a defesaContinuar lendo “Progresso. Um evangelho?”