Somos autodestrutivos

Possivelmente, nunca deve ter existido uma organização social matriarcal, seja ela animal, humana ou proto-humana. Essa era a opinião de Rose Marie Muraro. Pelo menos no estilo patriarcal, de maneira autoritária, de cima para baixo, os chefes determinando o comportamento e o modo de pensar dos outros elementos do grupo. Nas sociedades matricêntricas estudadas, aContinuar lendo “Somos autodestrutivos”