A felicidade é oblíqua

“Na verdade, sempre acreditei que a felicidade é o teste de todas as regras de conduta, e o objetivo da vida. No entanto, hoje percebi que esse objetivo só seria alcançado se não fosse um fim direto. Só é feliz quem direciona esforços para alcançar objetivos que não sejam a própria felicidade; para a felicidadeContinuar lendo “A felicidade é oblíqua”