Professor: o antecipador, o planejador e o criador da nova e maior ordem da vida humana

Como disse, em post anterior, H. G. Wells escreveu sobre Frederick William Sanderson, um reformador da educação na Inglaterra: “Tomamos, muito apropriadamente, as precauções máximas para excluir homens e mulheres de caráter imoral não apenas do ensino real, mas também de qualquer exercício de autoridade educacional. Mas ninguém jamais faz a menor objeção às influênciasContinuar lendo “Professor: o antecipador, o planejador e o criador da nova e maior ordem da vida humana”

Aprendizagem requer despertar o interesse

F. W. Sanderson foi, por 30 anos (até sua morte em 1922), o diretor da Oundle School, uma escola inglesa fundada em 1556. Quando assumiu ela estava decadente; sua visão sobre educação a reavivou. Para ele, os alunos deveriam deixar de lado o medíocre e o insignificante, os detalhes e a banalidade; deveriam tomar distânciaContinuar lendo “Aprendizagem requer despertar o interesse”