Que mundo queremos?

“A política é a arte de procurar problemas, encontrá-los, diagnosticá-los erroneamente e depois aplicar os remédios errados”, brincava (?) Groucho Marx. Sei que há assuntos que não despertam interesse da maioria, são desagradáveis. Poderia fugir deles. Mas, alguém precisa ser chato. São tantas as pragas no nosso jardim: crescimento econômico engasgando e potencial risco deContinuar lendo “Que mundo queremos?”

Descaminhos

Na minha curta existência, já fui premiado com a tentativa de golpe de Jânio, o golpe de 1964 e, querem que presencie mais um, no próximo dia 7 de setembro, quando uma maioria de 25% da população dirá ao presidente que o “autoriza”. Do Jânio, cuja renúncia em 25 de agosto de 1961 (ontem fezContinuar lendo “Descaminhos”