Judas merece uma chance?

“Sentido da minha obra: Tantos homens privados da graça? Como viver sem a graça? Devemos nos dedicar a isso E fazer o que o cristianismo nunca fez: ocupar-nos dos malditos.” (Albert Camus) Hoje, sábado de Aleluia, há a tradição da Malhação de Judas, trazida pelos portugueses. Costuma-se colocar máscaras ou nomes de políticos num bonecoContinuar lendo “Judas merece uma chance?”