O lobo e o cão (Fedro)

“Que a liberdade tem encantos – eis o que lhes vou mostrar em poucas palavras. Um cão grande e gordo encontrou por acaso um lobo magro e desfeito. Depois de se cumprimentarem mutuamente, pararam: – Donde vens – perguntou o lobo – que és tão brilhante, e com que viandas adquiriste essa tão grande corpulência?Continuar lendo “O lobo e o cão (Fedro)”