A curiosidade como princípio

Quase toda criança é curiosa. Nós, adultos, nos empenhamos em tirar dela essa alegria da descoberta. Procuramos lhe entregar tudo pronto, definido: isso pode, aquilo não! Isso é bom, o outro nem tanto. A escola é o principal agente da uniformização do conhecimento. Age, ainda, impondo limites. Principalmente comportamentais. Educação para vencer – os outrosContinuar lendo “A curiosidade como princípio”

Questões

“Em seu leito de morte, Gertrude Stein ergueu a cabeça e perguntou: ‘Qual é a resposta?’. Quando ninguém falou, ela sorriu e disse: ‘Neste caso, qual é a pergunta?’.” (Donald Sutherland) As perguntas nos movem. A curiosidade é mãe do conhecimento. Nenhuma aprendizagem é efetiva se não motivada pela vontade de entendimento, mesmo que aContinuar lendo “Questões”