Falando de Pascal, por Fábio Adiron

Argumentum ad Hominem (literalmente, argumento contra o homem) é um tipo de falácia de relevância, um subgrupo do que é conhecido no campo da lógica como falácias não-formais. Quando não tem mais argumentos para usar, um debatedor agressivo, em vez de refutar a verdade do argumento adversário, ataca diretamente o caráter pessoal do oponente. Blaise Pascal, matemático, físico, inventor, filósofo e escritor, foiContinuar lendo “Falando de Pascal, por Fábio Adiron”

“Deus, ou seja, a Natureza”

Para Espinoza, Deus não criou o mundo nem está fora do mundo: ele é o próprio universo. Por isso, dizia “Deus sive Natura” (Deus ou Natureza). Deus seria imanente, está inseparavelmente contido e implicado em toda a realidade. A ideia de um Deus raivoso, que precisava ser cultuado e agradado, seria uma superstição. Essa imagemContinuar lendo ““Deus, ou seja, a Natureza””