Futuro verde

A COP 26 acabou, naturalmente, com muito blá e poucos avanços reais. Até o governo brasileiro assinou compromissos para inglês ver. “Ação fala mais alto do que palavras”. O Brasil tem uma avenida de oportunidades à sua frente, a bioeconomia. Não dá para ficar esperançoso, porque não é a primeira vez que fechamos as portasContinuar lendo “Futuro verde”

Não tem problema, nós pagamos a conta!

Kamyla Borges, do Instituto Clima e Sociedade, observa que o Brasil é a única economia do G20 cujo consumo de energia cresce mais que a produção econômica. Razão: nossas geladeiras e outros aparelhos elétricos estão defasados em relação aos avanços tecnológicos implantados mundo afora; consomem muita energia, alimentados pela ilusão de que temos abundância deContinuar lendo “Não tem problema, nós pagamos a conta!”