“Você escreveu suas memórias na esperança de ser lido”

DESABAFOS DE UMA DOUTORANDA (texto de Anita Soares Pequeno) “Hoje precisei parar a pesquisa para chorar copiosamente por alguns minutos. Já faz tempo que venho estudando sobre a vida do abolicionista André Rebouças, mas há, mais ou menos, um ano dei início a um mergulho profundo: a leitura atenta de seus Diários. É um trabalhoContinuar lendo ““Você escreveu suas memórias na esperança de ser lido””