Sua Profundidade, Dra. Sylvia Earle

“Mesmo que você nunca tenha a chance de ver ou tocar o oceano, o oceano toca você a cada respiração, cada gota de água que você bebe, cada mordida do que você consome. Todos, em todos os lugares, estão inextricavelmente conectados e totalmente dependentes da existência do mar. ” – (Dra. Sylvia A. Earle) SylviaContinuar lendo “Sua Profundidade, Dra. Sylvia Earle”

“… a atmosfera teria sido feita transparente com esta intenção: brindar ao homem, nos corpos celestes, com a presença perpétua do sublime.”

Ralph Waldo Emerson era um pastor, até discordar sobre a “eucaristia” como um ato de fé: “Este modo de comemorar Cristo não serve para mim”, justificou. Juntamente com Henry David Thoreau e a impressionante Margaret Fuller desenvolveram o “transcendentalismo“, que defende a existência de um estado espiritual ideal que “transcende” o físico e o empírico,Continuar lendo ““… a atmosfera teria sido feita transparente com esta intenção: brindar ao homem, nos corpos celestes, com a presença perpétua do sublime.””

Pantanal, adeus!

Em 1988, Itamar Assumpção prenunciava um trágico destino para o Pantanal. No ano passado, o Inpe registrou mais de 20 mil focos de incêndio no bioma; mais que o dobro do ano anterior. O pico foi em outubro, com quase 3 mil ocorrências. As causas estão indefinidas. Alguns disseram que os focos começaram naturalmente, porContinuar lendo “Pantanal, adeus!”

Genocídio indígena

O conceito de genocídio surgiu em 1944, a partir de um livro publicado por um jurista polonês, Raphael Lemkin. Ele se referia à técnica de ocupação nazista que destruía os alicerces essenciais de grupos nacionais ou étnicos, para aniquilá-los física e/ou culturalmente. Depois, Robert Jaulin, antropólogo, definiu mais especificamente o etnocídio. Ecocídio, que faz referênciaContinuar lendo “Genocídio indígena”

Risco climático é risco de investimento

Em 2019, levantou-se que o BlackRock, maior fundo de investimentos mundial, havia perdido US$ 90 bilhões nos dez anos anteriores por ignorar o sério risco financeiro incorrido nos investimentos em empresas de combustíveis fósseis. “O BlackRock exerce uma enorme influência e assume uma enorme responsabilidade para com a comunidade em geral. Ele tem o poderContinuar lendo “Risco climático é risco de investimento”

O peso da produção humana

Estamos revirando as entranhas da Terra. Nosso papel como agentes do Antropoceno é ‘marcante’. O mundo perde suas feições originais e se reveste de aparatos criados pela humanidade. Além dos efeitos climáticos, poluímos o ar, águas e produzimos lixões. Usamos e dispomos do meio natural como se fosse inesgotável. A matéria anexa ilustra nossa insaciabilidadeContinuar lendo “O peso da produção humana”

A crise climática está matando as sequoias, e árvores de Josué na Califórnia

“Elas são o que os cientistas chamam de mega flora carismática, e existem poucas árvores em qualquer lugar mais carismáticas do que as três espécies mais famosas da Califórnia. Pessoas viajam de todo o mundo simplesmente para caminhar entre elas maravilhadas. A sequoia gigante. A árvore de Josué. A sequoia da costa. Elas são asContinuar lendo “A crise climática está matando as sequoias, e árvores de Josué na Califórnia”

“Se o mecanismo da terra como um todo é bom, então, toda parte que a compõe é boa”

Rand Aldo Leopold (1887-1948) é desconhecido no Brasil. Ele criou, nos anos 1940, a distinção entre “preservação” e “conservação” da natureza. Preservação significa o não uso, ou apenas o uso contemplativo da natureza. Conservação, implica o uso racional da natureza; a natureza sendo considerada como fonte de recursos naturais renováveis. Nos EUA, já houve presidentesContinuar lendo ““Se o mecanismo da terra como um todo é bom, então, toda parte que a compõe é boa””

O budismo e a visão ambiental

“A educação tem a ver com o processo do viver, não com a preparação para uma vida futura.” (John Dewey) O budismo não apresenta “verdades”, ao contrário de tantas religiões. Oferece um “veículo” para a “continuidade”, considerando que é impossível que alguma coisa acabe; ela muda, sempre. Nada é estável, tudo é impermanente e estáContinuar lendo “O budismo e a visão ambiental”

Fitopesticidas

O Nim tem a capacidade (sementes, frutos, folhas e cascas) de fornecer substâncias para o desenvolvimento de produtos contra a manifestação de pragas. Seus extratos impedem ou inibem a atividade alimentar dos insetos. É recomendado, principalmente, para o controle de moscas-brancas, tripes (“verme da madeira”), cochonilhas, lagartas e besouros. É biodegradável e não tóxico paraContinuar lendo “Fitopesticidas”