“Escolha quando atacar”

Como Se Tornar um Tirano | Site Oficial Netflix

Está na Netflix. Em curtas lições extraídas das histórias de grandes déspotas, a série “Como se tornar um tirano” mostra que esta opção não é exclusividade para iluminados ou ‘escolhidos’; ao contrário, pessoas comuns podem ser içadas ao topo, deixando-se guiar por seus mais rasteiros instintos e agir obcecadamente.

Antecipo os pontos essenciais nessa trajetória. Alguns ‘candidatos’ não conseguem sua plena implementação, por afobação ou falta de persistência.

A lista não é necessariamente sequencial; alguns itens podem ser desenvolvidos simultaneamente e outros podem ser dispensados.

Na série você acompanha os exemplos a respeito de cada tópico. A cor ou o lado (direita ou esquerda) do tirano não importa – são todos iguais.

O que nos falta?

  1. Acredite (demais) em si mesmo;
  2. A indignação vende;
  3. Entenda a natureza dos ressentimentos;
  4. Seja um homem do povo;
  5. Crie uma marca para o movimento (iconografia, uniformes …);
  6. Monte seu esquadrão com pessoas leais (pode ser milícias);
  7. Escolha quando atacar;
  8. Acabe com os rivais;
  9. Estabeleça domínios;
  10. Esteja em toda a parte;
  11. Compre lealdade;
  12. Institua a cleptocracia;
  13. Domine a técnica da manipulação;
  14. Todos são dispensáveis (senão o poder fica sem graça);
  15. Reine pelo terror;
  16. Camufle sua brutalidade;
  17. Escolha bodes expiatórios;
  18. Use a lei como arma;
  19. Inflija dor;
  20. Inicie uma guerra;
  21. Controle a verdade;
  22. Reescreva a história (quem controla o passado controla o futuro);
  23. Censure tudo (controle a informação, escolha a narrativa);
  24. Seduza forasteiros (idiotas úteis);
  25. Destrua a Deus (substitua-o por seu próprio dogma – invente mitos);
  26. Corrompa a ciência;
  27. Elimine a autoconfiança (só valem lealdade e obediência);
  28. Procure (ou invente) os conspiradores contra o regime;
  29. Crie uma nova ‘sociedade’;
  30. Surja do nada;
  31. Seja a lei;
  32. Construa um legado;
  33. Doutrine a juventude;
  34. Ponha as mulheres em seus devidos lugares (são perigosas);
  35. Exporte a ‘revolução’;
  36. Mantenha-se firme;
  37. Governe para sempre;
  38. Culto da personalidade;
  39. Isole seu reino;
  40. Mantenha tudo na família;
  41. Atraia (ou rapte) pessoas competentes;
  42. Imponha sua divindade;
  43. Deixe o povo morrer de fome (povo faminto não tem forças para protestar).

Publicado por Dorgival Soares

Administrador de empresas, especializado em reestruturação e recuperação de negócios. Minha formação é centrada em finanças, mas atuo com foco nas pessoas.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: