Isso posto (Luci Collin)

Luci Collin: Diário da Parede Branca - Revista Carlos Zemek - Arte e Cultura

impecável

como uma aurora instala um dia

como o botão abriga a rosa aberta

implícito

como a lua define a decisão da vazante

e como o sol define a indulgência da lua

infinito

como o entusiasmo dessa tempestade

e como o pardal abrange o telheiro

algo

como o primeiro olhar da mãe pro filho

e como o último sorriso de um pai

como a impressão da palavra

algo

flama na folha de rosto

A curitibana Luci Collin é ficcionista, poeta, tradutora e educadora. 

Publicado por Dorgival Soares

Administrador de empresas, especializado em reestruturação e recuperação de negócios. Minha formação é centrada em finanças, mas atuo com foco nas pessoas.

Um comentário em “Isso posto (Luci Collin)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: